rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Linha Direta
rss itunes

Campanha no Peru termina com troca de acusações e poucas propostas de governo

Por Adriana Moysés

No Linha Direta desta sexta-feira, 8 de abril, a RFI conversa com Patrícia Campos Mello, repórter especial do jornal Folha de S. Paulo, que está no Peru para acompanhar o primeiro turno das eleições presidenciais de domingo. A disputa está embolada. O candidato nacionalista de esquerda Ollanta Humala, de 48 anos, lidera as pesquisas com 28% de intenções de voto seguido de Keiko Fujimori, filha do ex-presidente Alberto Fujimori, Alejandro Toledo e Pedro Pablo Kuczynski, tecnicamente empatados. Um dos peruanos mais famosos no mundo, o escritor Mario Vargas Llosa, prêmio Nobel de Literatura em 2010, definiu essa eleição como uma "palhaçada". Vargas Llosa, assim como outros analistas, criticam uma campanha muito calcada na imagem dos candidatos na televisão e vazia de propostas políticas.

70° Emmy é marcado por pedido de casamento e premiação de “The Marvelous Mrs. Maisel”

Hong Kong se recupera da passagem do tufão Mangkhut, o mais forte que já atingiu o território

Em Berlim, congresso sobre violência sexual destaca casos na Igreja Católica

25 anos depois, Acordos de Oslo entre Israel e Palestina parecem cada vez mais distantes

Primárias em Nova York podem concretizar "ano da mulher" do Partido Democrata

Ameaças de sanções contra o Tribunal Penal Internacional reforçam opção isolacionista dos EUA

Suécia: eleições devem confirmar avanço de partido da extrema-direita e anti-imigração

Devido ao Brexit, Reino Unido perde apoio dos países europeus no caso Skripal

Acusado de apoiar terrorismo, Catar pode virar ilha e ficar totalmente isolado

Aufstehen, movimento de esquerda e anti-imigração, é lançado na Alemanha

Ministro italiano pode ser afastado do cargo por bloquear migrantes na Sicília

Papa tenta na Irlanda conquistar católicos afastados por escândalos de pedofilia

Guerra comercial: visando liderança global, EUA e China não devem recuar