rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Brasil Museu Paris Turismo

Publicado em • Modificado em

Brasileiros são vice-campeões de visitas ao museu do Louvre

media
65% do público do museu do Louvre é formada por estrangeiros. Flickr/simo0082

O Brasil foi o segundo país com mais visitantes estrangeiros no Museu do Louvre, na França, atrás apenas dos turistas dos americanos. O museu parisiense anunciou hoje que atraiu, durante o ano de 2011, 8,8 milhões de visitantes, entre os quais milhares de brasileiros.


Depois dos americanos e dos brasileiros, italianos, australianos, chineses, alemães e russos foram os turistas de nacionalidade estrangeira que mais foram o museu. Há três anos, o número de frequentadores do Louvre tinha se estabilizado em 8,5 milhões, um nível que o situava na posição de primeiro museu do mundo em número de visitantes, agora consolidada com as novas cifras.

Este aumento se deveu, em grande parte, aos visitantes estrangeiros, que respondem por 65% dos bilhetes. O recorde foi marcado pela "forte recuperação da frequência americana e a presença cada vez maior de visitantes procedentes de países emergentes", reforçou o Louvre.

A alta de visitantes se explica, ainda, pelo sucesso das grandes exposições de 2011, que atraíram cerca de 510 mil pessoas (22% a mais com relação a 2010), sobretudo "Rembrandt e a Figura de Cristo", "No reino de Alexandre, o Grande" e "A Cidade Proibida no Louvre". Os parisienses também têm demonstrado mais interesse pelo local: foram 17% mais ao Louvre do que no ano anterior.