rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
RFI CONVIDA
rss itunes

Com padrão ecológico, seda brasileira abastece luxo europeu

Por Lúcia Müzell

Pouca gente sabe, mas o Paraná produz uma das melhores sedas do mundo. A qualidade é reconhecida pela marca de luxo francesa Hermès, famosa pelos seus lenços e gravatas que podem custar alguns milhares de euros. Agora, os produtores brasileiros buscam ampliar os mercados com um diferencial em relação aos concorrentes chineses e indianos: a preocupação com a sustentabilidade.

A seda é a única fibra que pode se orgulhar de deixar crédito de carbono no meio ambiente – a produção absorve mais CO2 do que emite, graças aos milhares de hectares de amoreiras plantados para alimentar o bicho da seda. Na etiqueta do produto paranaense, o cliente encontra informações sobre a chamada pegada de carbono durante toda a sua vida útil, e também indica quanto de carbono foi absorvido durante a produção, feita sem agrotóxicos.

“Nós buscamos um nicho de mercado em que os consumidores finais estejam interessados na história que o produto conta: como ele foi fabricado, quais os valores por trás dele”, explica João Berdu, presidente do Instituto Vale da Seda. Ele esteve em Paris para divulgar o fio brasileiro na feira Who’s Next, que apresentou as tendências para o futuro da moda feminina.

Além da Hermès, marcas da Itália e do Japão são as principais compradoras do produto brasileiro. Os japoneses, aliás, são os responsáveis pelo Paraná ter se especializado na seda, graças à imigração nipônica. “A excelência da seda do Brasil nós devemos ao trabalho meticuloso da colônia japonesa, que permitiu que todo o conhecimento sobre a seda fosse aplicado no Brasil com muita competência”, conta agrônomo.

 

Inimigo no fascismo brasileiro é o pobre, diz pesquisadora do voto em Bolsonaro

Da extrema-direita à esquerda: populismo tem faces distintas na Europa e na América Latina, diz especialista

“Lula adiou troca e prejudicou campanha de Haddad”, diz analista David Fleischer

"Bolsa Família é grande aliado para quem deseja fazer ajuste fiscal no Brasil", afirma Marcelo Neri

Novo livro de Jean-Paul Delfino traz personagem imortal que viveu no Brasil

“Ataque corrobora ânimo de briga manifestado por Bolsonaro”, diz cientista político da UFMG

Em Perpignan, a fotógrafa brasileira Alice Martins expõe imagens da guerra na Síria

“Atlas do Agronegócio revela a complexa cadeia do setor agroindustrial”, diz coordenadora

"Assegurar preservação do patrimônio é responsabilidade da sociedade", diz presidente do Ibram sobre incêndio no Museu Nacional

“Quero nossa democracia de volta” pede cineasta brasileiro Fellipe Barbosa em Veneza

“Mulheres brasileiras sempre foram vistas como patrimônio do homem”, diz diretora-presidente da ONG Artemis

“Mulheres negras e indígenas representam o feminismo de resistência brasileiro”, afirmam pesquisadoras

Apesar da crise, brasileiros participam de Encontro Mundial das Famílias em Dublin

Instrumentalização política dos migrantes alimentou xenofobia em Roraima, diz professor da UFRR

"Tenho uma parte da história do Brasil nos meus arquivos", conta a fotógrafa Rosa Gauditano

Após turnê internacional, cantora Flávia Coelho volta ao estúdio em Paris para gravar 4° álbum

"Vitimização de Lula é estratégia do PT para angariar votos", diz cientista político