rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Dilma Rousseff Michel Temer Tribunal Julgamento Corrupção Imprensa

Publicado em • Modificado em

Julgamento da chapa Dilma-Temer no TSE gera expectativa na imprensa francesa

media
Le Monde: "presidente Michel Temer está no olho do furacão". REUTERS/Ueslei Marcelino

O julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pode custar o mandato do presidente Michel Temer é acompanhado com interesse pela imprensa francesa nesta quarta-feira (7). Jornais e revistas informam que a ação judicial pede a cassação da chapa Dilma-Temer, vencedora das eleições de 2014, acusada de cometer abuso de poder e de financiamento ilegal procedente do esquema de propinas da Petrobras.


O jornal Le Monde diz que "Temer está no olho do furacão", após as recentes denúncias de corrupção reveladas pela delação do empresário Joesley Batista, da JBS. O jornal explica que a decisão final do TSE pode ser anunciada amanhã ou se prolongar por várias semanas. "Mas é fato que a crise política atingiu um tal paroxismo que muitos analistas acreditam que os sete juízes do TSE vão basear sua decisão no contexto político", mesmo se o relator do caso, Herman Benjamin, exclui publicamente essa possibilidade.

A revista L'Express diz que o destino de Temer está nas mãos da Justiça Eleitoral, destacando que tanto o advogado da ex-presidente Dilma Rousseff, Flávio Caetano, quanto o de Temer, Marcus Vinicius Coelho, pediram que o tribunal ignore as delações premiadas de Marcelo Odebrecht e dos ex-marqueteiros do PT João Santana e Mônica Moura.

Para a revista Challenge, "o caos está instalado no Brasil". Assessores do presidente estão convencidos de que Temer será absolvido, mas, caso seja condenado, também existem vários mecanismos prolongados de apelação. Resultado: o cenário de incertezas não será superado tão cedo, e a pequena melhora no quadro econômico do país continuará sujeita à fragilidade da crise institucional e política.