rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
  • Cuba rejeita propostas de Bolsonaro e anuncia saída de médicos do Brasil
RFI CONVIDA
rss itunes

Brasileiro Lucas Guimaraens é curador convidado da Bienal de Poetas na França

Por Silvano Mendes

A França acolhe até dia 21 de novembro a 14ª Bienal internacional de Poetas, evento que acontece em Paris e em Val-de-Marne, nos arredores da capital. A manifestação, organizada este ano em torno da temática Viva poesia ! Poesia argentina, brasileira e colombiana, tem pela primeira vez um curador brasileiro.

O poeta mineiro Lucas Guimaraens é o responsável pela seleção da delegação brasileira que representa o país no evento francês. “Foram dois anos de muita conversa com o diretor da Bienal, entendendo que existem na América Latina, e em específico no Brasil, novos territórios da poesia”.

Consultor jurídico especializado em direito internacional e direitos humanos, Guimaraens vive a poesia de maneira quase orgânica. “Eu nasci em uma família de poetas e de escritores”, lembra o mineiro, descendente de Bernardo Guimarães, autor de “A Escrava Isaura”. Mas foi principalmente graças à publicação na França, em junho passado, da edição bilíngue de seu livro de poemas Exil, lac des incertitudes, que o poeta foi escolhido como curador.

Influenciado pelo conterrâneo Carlos Drummond de Andrade, Guimaraens fez questão de valorizar os talentos mineiros na Bienal de Paris. “Os critérios curatoriais são sempre um recorte, e todo recorte é uma deturpação da realidade, que nós entendemos ser positiva. E o primeiro critério foi o estado de Minas Gerais e sua heterogeneidade”, explica.

Ana Elisa Ribeiro, Ana Martins Marques, Fabrício Marques, Edimilson de Almeida Pereira são o resultado desse recorte. “Cada um tem sua linguagem. Eles não são poetas por serem contemporâneos uns aos outros, eles não têm a mesma linguagem, nem a mesma percepção de mundo. E isso é interessante quando você tenta organizar uma curadoria heterogênea e que consiga contemplar um território”, comenta.

Além de leituras na Maison de l’Amérique Latine, os autores também participam de um encontro na Universidade Paris 4 Sorbonne, nesta sexta-feira (17).

Ouça a entrevista completa clicando na foto acima ou assista o vídeo.

"O problema do brasileiro é se conformar que Bolsonaro está eleito", diz Delfim Netto

Fotógrafa francesa Charlotte Dafol expõe em Paris imagens de ocupações brasileiras

“Atualmente, a França me dá mais perspectivas que o Brasil”, diz cantora Camila Costa que lança CD em Paris

"Trump colocará na conta dos democratas tudo o que não conseguir fazer", diz ex-correspondente do NYT no Brasil

"Governo brasileiro precisa facilitar exportação para pequenos empresários", afirma designer de joias

Grupo franco-brasileiro Bel Air de Forró é finalista em concurso internacional

"Brasil caminha muito mais para o isolamento do que para uma relação integrada com a comunidade internacional," diz cientista político

“A oratória de protesto do rap estava um pouco adormecida”, diz MC Rael, em turnê na Europa

Pintora brasileira radicada na França denuncia desmatamento da Amazônia em telas gigantes

Diretora de teatro de Belo Horizonte divulga festival artístico interdisciplinar em Paris

Bolsonaro representa uma continuidade do que está acontecendo hoje no Brasil, diz historiador americano

“Estamos todos ameaçados”, diz escritor João Paulo Cuenca sobre Bolsonaro

Cordel se adapta à tecnologia e tem até desafio repentista por WhatsApp, diz pesquisadora francesa

"Brasil vive época propícia para arte subversiva", diz autor de livro sobre cena musical psicodélica

Livro sobre Dandara, líder do movimento negro do Quilombo dos Palmares, é lançado na França

“Uso da religião está sendo deturpado nas eleições", diz médium Divaldo Franco

“Minha música é um engajamento pela liberdade”, diz gaúcho radicado na França

“Apenas distanciamento histórico vai explicar o que deu errado no Brasil”, diz cineasta Filipe Galvon

"Brasileiros querem coisas novas, mesmo que elas piorem para depois melhorar", diz Luiz Olavo Baptista