rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Brasil Eleições 2018 Jair Bolsonaro Fernando Haddad

Publicado em • Modificado em

Bolsonaro vota com colete à prova de balas

media
Cercado por um forte dispositivo de segurança, Bolsonaro acenou para os jornalistas e eleitores antes de voltar para sua residência. REUTERS/Pilar Olivares

Jair Bolsonaro votou por volta das 9h da manhã neste domingo (28). As equipes do candidato do PSL no segundo turno da eleição presidencial brasileira não pouparam esforços em termos de segurança. Cercado por vários homens, o favorito nas pesquisas chegou no local da votação usando um colete a prova de balas.


Enviado especial ao Rio de Janeiro

Como no primeiro turno, Bolsonaro votou cedo, na Escola Municipal Rosa da Fonseca, dentro da Vila Militar, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O candidato, que estava recluso em sua casa desde que saiu do hospital, falou rapidamente com a imprensa e disse que, pelo que viu nas ruas, “a expectativa é de vitória”.

O favorito nas pesquisas eleitorais seguiu para sua residência, na Barra da Tijuca. Antes de entrar no prédio, Bolsonaro abriu a porta do carro e acenou para os jornalistas.

Uma hora depois, em São Paulo, foi a vez do candidato Fernando Haddad votar. Na saída, o petista disse que “hoje o que está em jogo é a democracia no Brasil.

Quem também votou em São Paulo foi o presidente Michel Temer. O chefe de Estado explicou que está tudo preparado para a transição que, segundo ele, começa já nesta segunda-feira (29).

O voto vai até às 17h e a apuração começa às 19h. Segundo as autoridades, cerca de 90% dos votos já devem estar apurados por volta das 21h.