rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
RFI CONVIDA
rss itunes

Decreto de Bolsonaro sobre armas trará mais violência, alerta Instituto Sou da Paz

Por Márcia Bechara

O decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira (15), em Brasília, flexibilizando o acesso a armas de fogo no Brasil é visto com muita preocupação por entidades que militam pelos direitos humanos. Apesar de ser autorizada no Brasil, a posse é controlada pelo Estatuto do Desarmamento, que entrou em vigor no país em 2004. Segundo Ivan Marques, diretor-executivo do Instituto Sou da Paz, a flexibilização da posse oferecerá uma série de riscos à segurança dos brasileiros: seis armas são vendidas por hora hoje no Brasil, que registra anualmente cerca de 45 mil homicídios, “mortes violentas e intencionais”, com arma de fogo.

Especialistas em violência e segurança pública contestam, no entanto, a decisão de Bolsonaro. “O Brasil já sofre com uma verdadeira epidemia de homicídios causada pelo vetor arma de fogo. São 63.880 mortes por ano, violentas e intencionais. Dessas, cerca de 45 mil foram causadas por arma de fogo”, lembra Ivan Marques, do Instituto Sou da Paz. “Com esse decreto teremos mais violência, mais caos e mais dificuldade para as polícias atuarem”, afirma.

Clique na imagem para ouvir a entrevista.

Brasileira apresenta na Berlinale documentário sobre ocupação dos Sem Terra em Goiás

“Direito à comunicação no Brasil ainda é muito atrasado”, diz fundador de web rádio indígena

"Alastrar competitividade para toda a economia brasileira está no radar do governo", diz diretor-geral da OMC

Fotógrafo curitibano expõe em Paris obras inspiradas na espiritualidade

Orçamento participativo e Bolsa Família são as principais políticas públicas “exportadas” pelo Brasil

“Brasil tem volta da oligarquia com uma política de extrema direita”, diz sociólogo da UFRJ

Compositor francês Debussy influenciou até Bossa Nova, lembra maestro Isaac Chueke

“Brasil e França trabalharam pelo silenciamento da memória escravista”, diz historiadora

Escritora Telma Brites Alves lança em Paris seu livro "Gaia: A Roda da Vida"

Cantora brasileira mistura música árabe e nordestina em álbum “Brisa Mourisca”

Movimento dos Atingidos por Barragens quer garantias de reparação total de danos às vítimas de Brumadinho

"Precariedade das favelas é estimulada pelo próprio Estado", diz historiador

Human Rights Watch: partida de Jean Wyllys é “triste para a esquerda e a direita”

“Falta educação no projeto de governo Bolsonaro”, diz Renato Janine Ribeiro

Apoiar oposição a Maduro é ingênuo e perigoso, diz especialista da Unicamp

"Estrela no Guia Michelin brinda a amizade franco-brasileira”, diz chef Raphaël Rego

Brasil é país que mais cai em relatório sobre competitividade divulgado em Davos

“Europeu gosta de música brasileira com contexto histórico”, diz cantor Mario Bakuna