rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
A Semana na Imprensa
rss itunes

Revista francesa publica imagem excepcional do Bloco da Lama de Paraty

Por Adriana Moysés

A lama e o Brasil, na atualidade, dão margem a interpretações e registros simbólicos. Nesta semana, a revista francesa L'Obs, de orientação editorial de esquerda e, acima de tudo, humanista, escolheu uma imagem surpreendente para ilustrar o Carnaval brasileiro.

A festa aconteceu logo pouco tempo após a posse do presidente de extrema direita Jair Bolsonaro, uma ameaça à sobrevivência dos indígenas, e à tragédia de Brumadinho. E o que a L'Obs decide mostrar sobre o Carnaval de 2019 no Brasil? O Bloco da Lama de Paraty.

A reportagem é assinada por Mauro Pimentel, fotógrafo da AFP no Rio de Janeiro. Ele deixa o Rio, onde mora e trabalha, para chegar de madrugada no sábado de Carnaval em Paraty, com o objetivo de fotografar o bloco que representa uma tribo pré-histórica do continente. Enlameados da cabeça aos pés, cobertos de trapos, carregando caveiras, cipós e ossadas, aos gritos de "uga, uga", o Bloco da Lama presta homenagem aos primeiros povos que habitaram a região.

Além dos sons indígenas, Mauro Pimentel conta que o Bloco da Lama toca rock e música eletrônica. Em Paraty, o samba não é tradicional, explica o fotógrafo brasileiro em um texto curto. Os foliões, fantasiados de pterodáctilos, répteis com capacidade de voar e menores que os dinossauros, desfilam na Praia do Jabaquara.

O fotógrafo teve o cuidado de chegar cedo, antes do início do desfile. Ele viu um casal de foliões se preparando ainda no mangue, já vestidos com suas máscaras, mas ainda cobrindo o corpo de lama. Surpreendidos pela presença da câmera, eles gritaram "somos pterodáctilos". Nessa atmosfera paleolítica, conta o autor da imagem, "tive a impressão de ter presenciado uma espécie de ritual". O suficiente para transportar o leitor da L'Obs ao Brasil, no Carnaval, depois de Brumadinho e no governo Bolsonaro.

Minutos depois, a modernidade e os turistas chegaram, com suas selfies, encerra Mauro Pimentel.

Interessante escolha editorial da L'Obs, muito significativa das dimensões do Carnaval de 2019 no Brasil.

Manifesto de 50 médicos, magistrados e políticos pede legalização da maconha na França

Ao atacar universidade, Bolsonaro visa uma juventude que lhe é hostil, diz Safatle

Técnica da seleção francesa de futebol visa troféu e não dá bola para sexismo

A alguns dias das eleições europeias, imprensa francesa analisa "epidemia populista" no Velho Continente

O ministério da "incultura" do Brasil deve alimentar debates no Festival de Cannes

Evangélicos concorrem com muçulmanos em busca de novos fiéis nas periferias francesas

Coquetéis molotov e aplicativos que distorcem vozes: como os coletes "ultra-amarelos" planejam a "revolução"

‘Anti-Bolsonaro’, presidente mexicano encarna uma ‘renovação da esquerda’, diz revista francesa

Porta-voz negra e feminista de Macron quebra códigos da política francesa

Jovens franceses vivem com naturalidade ruptura da binaridade homem-mulher

Primeiro trimestre do governo Bolsonaro é uma “bagunça”, diz revista francesa

Polícia francesa adota regras para abordagem e prisão de transgêneros

Revista francesa entrevista miliciano que mata para defender governo Maduro