rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Cultura
rss itunes

Trajetória de glamour e tragédia é tema de mostra sobre Romy Schneider

Por Patricia Moribe

Sua vida poderia ser um filme. Nascida na Áustria anexada pelo nazismo, dona de uma beleza estonteante, Romy Schneider entrou na nobreza austriaca através de Sissi, a imperatriz e virou um dos grandes nomes do cinema francês. Ela viveu uma grande história de amor com outro mito, o jovem Alain Delon. Um conto de fadas, se não fossem as cores dramáticas de um percurso cheio de curvas e tragédias, que terminou com sua morte em Paris, em 1982, aos 43 anos. Romy Scheider é tema de uma bela exposição de fotos, documentos e objetos pessoais em Boulogne-Billancourt, a oeste de Paris.

 

Árpád Schilling encena desencanto e ruptura em “perfomance dos Bálcãs”

Mega exposição em Paris homenageia Barbara, ícone da chanson française

Exposição em Paris recupera 2 mil anos de presença cristã no Oriente, apesar da perseguição

Filmes brasileiros concorrem em várias categorias no festival de cinema de Biarritz

Exposição em Paris celebra 40 anos da morte de Maria Callas, "la diva"

“Fotografia não é função masculina, é humana”, diz fotógrafa de guerra

Antigo prédio ocupado no centro de Paris vira polo artístico internacional

Grupo carioca apresenta releitura de "Alice no País das Maravilhas" em Edimburgo

Mostra sobre casamentos forçados abre centro de fotojornalismo em Paris

Montpellier Danse: encontro de gerações da dança contemporânea na França

Templo da literatura lusófona em Paris, editora Chandaigne celebra 25 anos

Aos 88, cineasta Agnès Varda explora com fotógrafo JR os vilarejos franceses

Com ares pop, nova geração da música clássica francesa seduz grande público