rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Suécia Nobel Nobel de literatura Concerto

Publicado em • Modificado em

Bob Dylan recebe Nobel de Literatura na Suécia depois de show

media
O cantor Bob Dylan DR

Depois de meses de suspense, Bob Dylan finalmente recebeu, neste sábado (1), seu Nobel de Literatura da Academia Sueca, que homenageou sua poesia.


O cantor, laureado em 2016, estava de passagem por Estocolmo, para um show que dá início a sua turnê europeia e ao lançamento de seu disco, "Triplicate", com músicas de Frank Sinatra. Durante a apresentação, ele não mencionou nenhuma vez o Nobel.

A atribuição do Nobel a Dylan em 2016 dividiu o mundo da literatura. O cantor se manteve em silêncio, e apenas dois meses depois do anúncio, em dezembro, aceitou e agradeceu o prêmio. Ele enviou um discurso de agradecimento para ser lido em conjunto com o resto dos vencedores no banquete da cerimônia de entrega das medalhas.

Dylan já tinha comunicado que não participaria da cerimônia de premiação, citando "compromissos prévios".

As circunstâncias da entrega da medalha e do diploma deste sábado não foram detalhadas. Sabe-se que o cantor apenas se reuniu com os 12 membros da Academia e não pronunciou nenhum discurso, segundo a secretária permanente do Nobel, Sara Danius.

Segredo absoluto

Mantida em segredo até o final, a entrega do prêmio, anunciado em outubro, foi confirmada por um dos membros da Academia, Horace Engadahl. Dylan, de 75 anos agora integra o seleto grupo de autores laureados. Entre eles Thomas Mann, Albert Camus, Samuel Beckett, Gabriel García Márquez e Doris Lessing.