rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Egito Arqueologia

Publicado em • Modificado em

Seis múmias são encontradas em túmulo faraônico perto de Luxor

media
Turistas passeiam em Luxor, no Egito Reuters

Um grupo de arqueólogos descobriu seis múmias, sarcófagos de madeira de cores vivas e mil pequenas figuras funerárias em um túmulo da época dos faraós no sul do Egito, anunciou nesta terça-feira (18) o Ministério das Antiguidades.


O túmulo, próximo à cidade de Luxor, um verdadeiro museu a céu aberto, e ao Vale dos Reis, aparentemente pertencia a Userhat, um magistrado da 18ª dinastia (1550-1295 A.C.)k, que possuía o título de "juiz da cidade". Porém o túmulo teria sido reutilizado séculos depois já sob a 21ª dinastia para abrigar outras múmias.

"Foi uma surpresa encontrar tantos elementos dentro: utensílios de argila com o nome do proprietário do túmulo, vários sarcófagos e múmias, assim como mais de mil 'ushebti', pequenas estatuetas funerárias que eram colocadas nos túmulos para substituir o morto na tarefas do além", indicou o ministro Khaled Al Anani, durante uma visita organizada para a imprensa.

"É uma descoberta importante, e não está terminada", comemorou Anani. "Há seis múmias, mas há outros fragmentos que indicam que pode haver outras no futuro", disse a porta-voz do ministério, Nevine El Aref. O Egito aprovou recentemente vários projetos arqueológicos com a esperança de fazer novas descobertas.