rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
RFI CONVIDA
rss itunes

Único longa brasileiro em Cannes, Gabriel e a Montanha conquista imprensa e crítica

Por Silvano Mendes

Ele morreu realizando um sonho – o de conhecer o mundo longe dos clichês e do turismo convencional. Essa é a história de Gabriel Buchmann, um carioca de 28 anos que decidiu dar a volta ao mundo, mas teve sua viagem interrompida por um grave acidente. O acidente virou filme e é uma das poucas produções brasileiras este ano no Festival de Cinema de Cannes.

Dirigido por Fellipe Barbosa, o filme “Gabriel e a Montanha” tem conquistado o público e a imprensa em Cannes, onde concorre na Semana da Crítica. O jornal Le Monde que chegou às bancas na tarde desta terça-feira (23), aliás, tece vários elogios à trama, na qual o cineasta conta os últimos dias de vida de seu amigo de infância.

“Foi uma história que tomou muito conta do nosso imaginário”, conta o diretor, em referência à morte do amigo, em 2009. “O impulso inicial foi desvendar um pouco das muitas perguntas não respondidas e muitos mistérios” lembra o cineasta, que ficou conhecido na França com o filme “Casa Grande”.

O personagem principal do filme, interpretado com maestria pelo ator João Pedro Zappa, estava prestes a terminar sua aventura, quando desapareceu. As autoridades levaram 19 dias para encontrar seu corpo no monte Mulanje, no sul do Maláui, onde havia morrido de hipotermia.

Para reconstituir a história, Barbosa consultou fotos, e-mails, e principalmente testemunhos de pessoas que encontraram Gabriel em seus últimos 70 dias de vida. Alguns deles interpretam seus próprios papéis no filme.

Além disso, o cineasta contou com a ajuda da família do amigo. A mãe e a irmã de Gabriel viram o filme pela primeira vez em Cannes. “Elas ficaram muito emocionadas depois da sessão. Sinto uma certa tranquilidade na mãe dele que eu não via antes. Acho que foi importante para ela essa catarse”.

O filme também conquistou os distribuidores em Cannes. Uma estreia já está prevista nos cinemas franceses no mês de agosto de 2017.

Ouça a entrevista completa clicando na foto acima ou assista o video abaixo.
 

Marcela Levi e Lucía Russo: Crise no Brasil está esgotando a criação na dança

Pesquisador brasileiro comemora consolidação do futebol em meio acadêmico

Tatiana Leskova, testemunha viva da história do balé, é homenageada em Paris

Em Annecy, diretor de 'A Era do Gelo' revela desejo de criar séries de animação com parceiros no Brasil

“Temos que lutar para que não haja adiamento das eleições no Brasil”, diz Celso Amorim

Ministro da Cultura Sérgio Sá Leitão destaca "crescimento chinês” do audiovisual brasileiro

“Nossa música não está mais conectada com o povo”, diz compositor André Mehmari

Jornalista lança livro em Paris sobre José Ibrahim, um dos maiores nomes do sindicalismo brasileiro

“Roland Garros é a alma do tênis brasileiro atualmente”, diz Guga ao ser nomeado embaixador do torneio

Modelo de integração é de "indiferença às diferenças": romance de escritora franco-brasileira discute lugar da mulher mestiça entre Brasil e França

Mestre Reginaldo Maia resgata valores ancestrais da capoeira de Angola em Paris

“As eleições no Brasil já estão comprometidas”, diz presidente do PCO

"Moradia para todos é uma guerra política", diz urbanista João Whitaker em Paris

"Em tempos de email, só as cartas conseguem produzir uma eternidade nas pessoas", diz escritor Rodrigo Dias

Dupla Dinho Nogueira e Zé Barbeiro traz shows e cursos de choro para Europa

“Meu Brasil” é tema de mostra fotográfica em Paris criada com método de “mentoria”