rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Cultura
rss itunes

Festival de Outono de Paris traz grandes nomes da cena contemporânea em 70 espetáculos

Por Márcia Bechara

Setenta espetáculos e 65 artistas convidados, que se apresentam até o dia 31 de dezembro em 45 espaços da capital francesa e da região parisiense. A 47ª edição do Festival de Outono de Paris fornece, anualmente, um grande panorama da cena contemporânea mundial, com ingressos disputados, inaugurando a grande estação das artes na cidade. Entre os destaques, os coreógrafos brasileiros Lia Rodrigues e Bruno Beltrão, que dão continuidade a uma longa parceria com a organização do festival e apresentam criações inéditas.

O Japão é o país homenageado do Festival de Outono de Paris 2018,  com uma programação que privilegia jovens criadores nipônicos, como TakahiroFujita e Toshiki Okada, mas também artistas consagrados como Hiroshi Sugimoto, além de Nakamura Shidô II e Nakamura Shichinosuke II, da tradição kabuki

Para além dos artistas japoneses, a curadoria da mostra programou também alguns dos maiores nomes da cena contemporânea mundial, como o encenador polonês Krystian Lupa, o suíço Milo Rau e a coreógrafa belga Anne Teresa de Keersmaker. Os coreógrafos brasileiros Lia Rodrigues e Bruno Beltrão figuram também entre os destaques da programação, dando continuidade a uma colaboração de vários anos com o evento, como relata Marie Collin, diretora artística do Festival de Outono de Paris.

"Continuamos nossa colaboração com Lia Rodrigues, agora depois de vários anos. Nós apoiamos bastante seu trabalho, vamos coproduzí-la no Teatro Nacional de Chaillot, e depois no 104, nesta que será uma das grandes criações deste outono. E vamos também continuar o trabalho junto a Bruno Beltrão, cujas obras ajudamos a divulgar para o público parisiense, há cerca de 10 anos", conclui Collin.

Em Paris, o artista travesti Grayson Perry discute a sexualidade através de obras de arte

Mostra na Fundação Cartier de Paris recria diálogos inesperados entre geometrias latino-americanas

Artista mais caro do mundo, Basquiat é destaque de mega retrospectiva em Paris

Cidade Fértil: Paris ganha gigantesco espaço cultural, alternativo e futurista

Hospital desativado em Paris vira ocupação artística e ecológica temporária

Messias brasileiro INRI Cristo é destaque em exposição de fotos em Arles, no sul da França

Antes de fechar as portas, Maison Rouge de Paris traz exposição sobre sonho de voar

Confira dez dicas de exposições especiais para um verão cultural na Europa

Brasil está no páreo pelos prêmios principais do Festival de Animação de Annecy