rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Paris Saint-Germain (PSG) Neymar Daniel Alves Liga dos campeões Real Madrid Imprensa

Publicado em • Modificado em

Daniel Alves: "chegou a hora de o PSG superar seus limites"

media
Daniel Alves durante coletiva do PSG nesta segunda-feira (5). Captura de vídeo

Sem Neymar, o Paris Saint-Germain (PSG) se prepara para enfrentar nesta terça-feira (6) o Real Madrid no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões. Na última coletiva de imprensa antes de seguir para a concentração, Daniel Alves disse que "chegou a hora de o PSG superar os limites que encontrou até hoje" nesse torneio.


Nas últimas cinco temporadas, o PSG foi eliminado quatro vezes da Liga dos Campeões nas quartas de final e uma vez nas oitavas, no ano passado, derrotado pelo Barcelona. Questionado por um jornalista se faltava ao time "cultura de vitória", o zagueiro brasileiro considerou que não. "Falta resultado", afirmou Daniel Alves.

Para reverter essa imagem de clube menor, perdedor em momentos decisivos, o PSG lançou uma grande campanha de comunicação na véspera da partida decisiva, a fim de mobilizar a torcida. Cerca de 65 mil folhetos de propaganda foram distribuídos na manhã desta segunda-feira (5) nas estações do metrô parisiense.

L'Equipe, o maior jornal esportivo francês, diz que, mesmo sem Neymar, os jogadores do PSG acreditam na classificação. Nas imagens de uma edição especial publicada hoje pelo diário, Cavani e Thiago Silva aparecem como dois guerreiros, prontos para superar o desafio de vencer o time merengue por dois gols de diferença. No jogo de ida, o Real Madrid venceu de virada por 3 a 1.

"A magia do Parque dos Príncipes [o estádio do PSG] fará a diferença", acredita o jornal Le Figaro, entrando no espírito que os dirigentes do clube querem imprimir na cidade até amanhã. L'Equipe nota que a força virá das arquibancadas, já que, em termos de preparação mental e física, "a equipe está pronta".

Le Parisien afirma que Mbappé, que andou se queixando de dores no tornozelo direito, não deve representar um problema para o clube. À exceção de Neymar e talvez de Pastore, ausente no treino de domingo, o PSG poderá contar com todos os seus jogadores. O time vai nesta tarde para um hotel em Rueil Malmaison, nos arredores de Paris, onde ficará concentrado até a hora da partida.

Comentários irônicos sobre Neymar

O jornal Les Echos considera a volta de Neymar nesta temporada uma hipótese descartada. Les Echos conta que o atacante já está em sua mansão de Mangaratiba (RJ) e a prioridade, agora, é a recuperação do pé direito para a Copa do Mundo na Rússia.

A emissora de rádio France Info fez referência à cirurgia do camisa 10 com um comentário irônico. "Com a sobriedade que caracteriza o brasileiro", disse o âncora Bruce Toussaint, as TVs brasileiras exibiram ontem ao vivo a saída de Neymar do hospital. "Mas os torcedores que se aglomeravam na entrada só puderam ver o helicóptero transportando Neymar deixar o heliporto", explicou o comentarista.

Para a imprensa francesa, ficou claro que Neymar deixou o PSG para trás e só pensa em se recuperar para defender o Brasil na Copa do Mundo. Um comportamento que é criticado pela fortuna que o PSG pagou – € 220 milhões – na esperança de ter o jogador por toda a temporada. "Mas o craque prefere o calor do Rio de Janeiro ao invés do inverno parisiense", alfinetaram nos últimos dias vários jornalistas franceses.