rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Paris Saint-Germain (PSG) Real Madrid Liga dos campeões Neymar Imprensa

Publicado em • Modificado em

PSG confia no apoio da torcida para derrotar o Real Madrid

media
Manchetes do jornal L'Equipe e do Aujourd'hui en France para o jogo PSG x Real Madrid pela Liga dos Campeões. Fotomontagem RFI

"União sagrada em torno do PSG". A manchete desta terça-feira (6) do jornal Le Parisien pede apoio ao clube da capital. O Paris Saint-Germain enfrenta hoje o Real Madrid e precisa vencer por 2 a 0 ou três gols de diferença, se os merengues marcarem. Só assim, o clube se manterá vivo na Liga dos Campeões.


A imprensa francesa é unânime na avaliação: para vencer, o PSG precisa do apoio da torcida, do empurrão da arquibancada, "da magia do Parque dos Príncipes".

O jornal L'Equipe pede aos jogadores do PSG que repitam o feito de 1993, quando jogando pela Copa da Uefa, a equipe bateu o Real Madrid por 4 a 1, depois de ter perdido o primeiro jogo por 3 a 1, como aconteceu no início da rodada.

Le Parisien faz um balanço rápido dos esquemas táticos. Com as lesões de Toni Kroos e Luka Modric, o Real Madrid deve optar novamente por um esquema 4-4-2, tendo Benzema e Cristiano Ronaldo na frente. Aos 33 anos, o atacante português está em plena forma: é o único jogador da equipe a ter disputado as sete partidas da Liga dos Campeões nesta temporada. Cinco vezes Bola de Ouro, Cristiano Ronaldo é também o artilheiro do torneio, com 11 gols marcados até o momento.

Para o Le Parisien, não há dúvida de que o segredo do jogo será a batalha no meio campo. O técnico do PSG, Unai Emery, tem três opções nesta posição: Rabiot, Verrati e Lo Celso. Porém, o argentino teve péssimo desempenho no jogo de ida e deve ser preterido. Os torcedores, que têm sido críticos com Emery, vão conhecer o volante na hora do apito inicial. Diante do desfalque de Neymar, o trio de ataque do PSG será composto por Di Maria, Cavani e Mbappé.

Milhões de euros em jogo

Para dar uma ideia da importância da partida, o emir do Catar, que nunca tem sua agenda revelada, deve comparecer ao estádio parisiense. Milhões de euros estão em jogo. Segundo Le Parisien, o time faturou até agora € 26,2 milhões e, se passar às quartas de final, irá arrecadar mais € 6,5 milhões. A essa soma, outras receitas comerciais e de direitos de transmissão de TV, estimadas em até € 7 milhões, devem entrar para o caixa do clube. Caso conquiste o título, o time francês poderia receber até € 100 milhões. Daí a importância da qualificação.

Em memória do capitão italiano da Fiorentina, Davide Astori, morto no domingo, o estádio vai respeitar um minuto de silêncio antes do início da partida, que começa às 16h45 de Brasília.