rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Eleições legislativas Croácia Oposição Crise migratória

Publicado em • Modificado em

Oposição conservadora vence eleições legislativas na Croácia

media
O partido social-democrata do primeiro-ministro, Zoran Milanovic, foi derrotado nas eleições legisltivas da Croácia, neste domingo (8). Reuters

Em plena crise migratória na Europa, os eleitores croatas foram as urnas neste domingo (8) para eleger os novos deputados do país. Os primeiros resultados apontam a vitória da oposição conservadora sobre a coalizão de esquerda no poder. Mas os conservadores não obtiveram maioria e deverão fazer alianças para governar.


A "coalizão patriótica", bloco conservador constituído pelo partido HDZ de Tomislav Karamarko, elegeria 63 dos 151 deputados do parlamento croata. Se o resultado for confirmado, os analistas preveem longas negociações com pequenos partidos para a formação de um governo de coalizão.

Os sociais-democratas do primeiro-ministro Zoran Milanovic, que uma pesquisa de boca de urna apontava em empate com os conservadores, obtiveram apenas 52 assentos. No entanto, se conseguirem costurar alianças com outras siglas ainda podem se manter no poder. "Por enquanto, é difícil dizer qual dos dois campos terá a preferência dos pequenos partidos", avalia o analista político Viseslav Raos.

Crise migratória

Essas foram as primeiras eleições legislativas desde que a ex-república iugoslava tornou-se em 2013 o 28º país integrante da União Europeia (UE). A campanha foi marcada pela gestão da crise migratória no bloco e por questões econômicas, num momento em que o país sai de seis anos de recessão.

Cerca de 350.000 imigrantes transitaram pela Croácia desde meados de setembro a caminho do norte da Europa, depois que a Hungria fechou sua fronteira com a Sérvia.