rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Meio Ambiente
rss itunes

Expansão da agricultura está acabando com os pássaros na França

Por Lúcia Müzell

Quem já passeou por Paris em poucos dias percebeu: as pombas estão por todo o lugar, mas é raro ouvir o canto dos pássaros. A diminuição das populações de passarinhos é um problema nacional, que atinge principalmente as regiões agrícolas. O cultivo intensivo tem causado a morte de dezenas de espécies a cada ano na França: um terço dos pássaros nativos está ameaçada de extinção. Há 10 anos, o índice era de um quarto. 

O mais recente estudo sobre o tema foi feito na região Nord-Pas de Calais, no norte francês, que tem 72% da superfície ocupada por terras agrícolas. A consequência é desastrosa para os pássaros.

“Em 20 anos, perdemos a metade dos pássaros que se reproduzem nas zonas agrícolas. Esse declínio aconteceu, principalmente, por causa da intensificação das práticas agrícolas, com as mais variadas consequências”, explica Christophe Luczac, pesquisador da Universidade de Lille 1 e integrante do Grupo Ornitológico do Norte (GON), responsável pelo levantamento. “Os arbustos estão sendo eliminados e, com eles, os habitats potenciais para a reprodução dos pássaros. Os campos se transformam em terras de cultivo, ao mesmo tempo em que o uso de agrotóxicos e herbicidas diminuiu as suas fontes alimentares.”

Terremoto seguido de tsunami pode voltar a acontecer na Europa, diz pesquisador

Europa teme entrada de “salmonstro”, o salmão transgênico canadense

Supermercados da França geram polêmica com abuso no preço de orgânicos

Dependente de energia nuclear, França cogita desligar um terço de seus reatores