rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Luxo Empresas

Publicado em • Modificado em

Baccarat: China compra fabricante francesa de cristais e objetos de luxo

media
Ânfora de cristal de Baccarat para Christian Dior, 1951. © Philippe Schlienger

A marca francesa de cristais de luxo Baccarat anunciou, nesta quinta-feira (21), a finalização de sua aquisição por parte da companhia chinesa de gestão de investimentos Fortune Fountain Capital (FFC) por EUR 164 milhões, equivalente a mais de R$ 700 milhões, mais de um ano depois da assinatura de promessa de compra.


A empresa chinesa adquiriu 88,8% do capital da Baccarat. Em junho de 2017, a FFC havia fechado "uma promessa irrevogável de compra" com os dois principais acionistas americanos - Starwood Capital Group e L. Catterton - para a compra de suas ações na Baccarat, a € 222,70 por ação.

Criada por Luís XV há 250 anos, a prestigiosa fábrica é conhecida em todo mundo por seus utensílios de mesa, objetos de decoração, luminárias e joias.

Controlada desde 2005 pela Starwood Capital, um fundo americano especializado em imóveis, os investimentos da Baccarat diminuíram nos últimos anos.

O projeto do novo acionista chinês, que prevê de € 20 milhões a € 30 milhões em investimentos de curto prazo, e € 50 milhões  em médio prazo, inclui uma densificação da rede de distribuição e a conquista dos mercados emergentes, especialmente nos Estados Unidos e na Ásia.