rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Acidente Córsega

Publicado em • Modificado em

Acidente em cânion na Córsega mata cinco pessoas

media
Equipes de resgate no cânion Zoicu, na Córsega. PASCAL POCHARD-CASABIANCA / AFP

Equipes de resgate encontraram nesta quinta-feira (2) o corpo de uma mulher de 22 anos, a quinta vítima de um acidente provocado pela inundação de um cânion em Soccia, na ilha francesa da Córsega.


As outras vítimas do drama que abalou a turística ilha são uma menina de sete anos e seu pai, um guia de turismo, de 36 anos, um homem de 26 anos e a jovem encontrada hoje, esclareceu para a AFP Eric Bouillard, procurador de Ajaccio.

A mãe da menina, em estado de choque, fazia parte do grupo de 13 pessoas – 12 participantes e um guia – de visita ao cânion Zoicu, mas ela desistiu do passeio, além de outras cinco pessoas, por causa das dificuldades de descida.

O grupo de sete pessoas foi surpreendido por uma onda, “de cerca de três metros, que acabou carregando os participantes”, explicou o procurador. “Vamos investigar porque eles continuaram a descida enquanto outros fizeram meia-volta”.

O guia de um outro grupo, que desistiu do passeio, conseguiu resgatar com uma corda duas das sete pessoas carregadas pela onda, um homem de 40 anos e seu filho de 16, que foram transferidos ao hospital de Ajaccio.

Atividades aquáticas

O Zoicu é um rio que dá nome ao cânion, situado a mil metros de altitude, considerado com um dos mais belos da ilha. A área é bastante procurada para atividades como caminhadas, caiaque e rappels.

A Córsega estava sob alerta laranja de meteorologia na quarta-feira, indicando perigo de tempestades. Fortes chuvas fizeram o Zoicu subir rapidamente, o que acabou provocando a catástrofe.

Um acidente similar deixou 21 mortos em julho de 1999, em Interlaken, na Suíça.

(com informações da AFP)