rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Football Leaks PSG Neymar

Publicado em • Modificado em

“Não é escandaloso Neymar receber € 375 mil por bom comportamento”, diz agente francês

media
Neymar reclama com juiz durante partida da Liga dos Campeões contra o Napoli, 6/11/2018 REUTERS/Alessandro Bianchi

O programa "Envoyé spécial" do canal de televisão France 2 fez, na noite da última quinta-feira (8), revelações sobre os ganhos dos jogadores do maior time da França.  Se no Brasil o termo “bônus por resultado” já é bem conhecido, aqui na França, o Paris Saint-Germain (PSG) tem pago uma bonificação por “ética e bom comportamento”. Na prática, apenas por saudar e aplaudir torcedores, Neymar receberia mensalmente € 375 mil (R$ 1,59 milhão). Mas o procedimento não é novidade, segundo um profissional da área.


O jornalista francês e agente de jogadores Christophe Hutteau, em entrevista ao site Eurosport, afirmou que não há nada de escandaloso no que se refere aos pagamentos de “bônus éticos”. “É um procedimento que começou há algum tempo permitindo que o clube possa ter alguma forma de punir seus contratados em caso de mal comportamento e atrasos repetidos”, explicou Hutteau.

“O estatuto dos jogadores profissionais protege os atletas de maneira excessiva. Hoje um clube não pode mais punir seu jogador, que nada mais é do que um empregado do clube. Por isso, os times encontraram um jeito, justo e lógico, para fazer com que os jogadores lembrem que eles também têm direitos e deveres com relação a seus clubes”, completou o jornalista.

Christophe Hutteau lembra que os valores divulgados não passam de uma parte variável dos salários dos jogadores. “Por exemplo, se um jogador assinar um acordo de salário de € 100 mil mensais, a parte fixa será de € 80 mil e a tal bonificação ética será de € 20 mil, ou seja, não corresponde a um acréscimo de salário”, afirmou. “Portanto, os valores correspondem a um percentual do salário do atleta. No caso de Neymar, que recebe € 2,5 milhões mensais, 15% de parte variável chega ao valor de € 375 mil. “Ou seja, Neymar recebe a mesma porcentagem variável do que qualquer outro jogador do clube”, completou o jornalista.

Valores foram divulgados na televisão

Na noite da última quinta-feira, em parceria com o site Mediapart, o programa “Envoyé Special” revelou detalhes de vazamentos do “Football Leaks” sobre os contratos do PSG. Além de receber o bônus por saudar a torcida, Neymar receberia cerca de € 2,5 milhões anuais (R$ 10,65 milhões) para não criticar o técnico da equipe. Sem falar dos € 2 milhões (R$ 8,5 milhões), em caso de se classificar entre os três melhores da Bola de Ouro.

Outros jogadores da equipe também têm direito a essa premiação, mas com valores menores. Thiago Silva, por exemplo, recebe € 33 mil (R$ 140,5 mil) para saudar a torcida, valor muito inferior ao de Neymar. Mbappé receberia cerca de € 117 mil (R$ 500 mil), enquanto Daniel Alves, Di Maria e Cavani, levariam € 70 mil (R$ 299 mil) cada. Vale ressaltar que o "Football Leaks" também revelou que Mbappé teria pedido ao clube o salário mais alto, se vencesse a Bola de Ouro, o que foi negado pelo PSG.

Em casos de indisciplina, alguns jogadores tiveram o bônus revogado. O italiano Verrati, depois de ser pego dirigindo alcoolizado em outubro, teve parte do seu bônus retirado. Assim como Ben Harfa e Aurier, que também foram punidos.

Ainda de acordo com o programa francês, Neymar deve dar entrevista, sempre que solicitado, ao grupo de mídia "Al-Jazeera", que pertence ao Catar. Para Cavani, teria ficado estabelecido que não deve se atrasar em mais de 5% dos treinamentos (atraso máximo de 15 minutos).