rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Linha Direta
rss itunes

"Acordo europeu é modesto, mas evitou-se o pior"

Por Maria Emilia Alencar

Os líderes da União Europeia fecharam, na quarta-feira à noite, um acordo para a redução da dívida grega. Após intensas negociações, os bancos, que rejeitavam qualquer acordo para a reestruturação da dívida grega, aceitaram abater os 100 bilhões de euros concedidos ao governo grego, em troca de garantias de 30 bilhões de euros fornecidos pelo fundo de resgate do bloco. Como nos explica nossa correspondente em Bruxelas, Letícia Fonseca, o acordo está sendo considerado modesto, mas deve pelos menos evitar o pior para o bloco.

UE visa criação de centros de triagem para migrantes fora do território europeu

Eleições na Turquia: quem são os cinco candidatos que vão enfrentar Erdogan?

Permissão para mulheres sauditas dirigirem pode impulsionar indústria automotiva

Argentina usará parte do empréstimo do FMI para conter escalada do dólar

Trump prefere jogar culpa nos democratas a assumir ônus da separação dos menores e seus pais

Candidato mais cotado à presidência da Colômbia coloca em risco acordo com as Farc

Londres: um ano após incêndio na Torre Grenfell, 68 famílias seguem sem moradia

Trump vai convencer Kim Jong-Un a abandonar o programa nuclear da Coreia do Norte?

Pipas incendiárias lançadas de Gaza destroem 20 km de plantações em Israel

Após queda de premiê, população mantém protestos na Jordânia contra austeridade

Restrições a importações de carros pode gerar guerra comercial entre Alemanha e EUA

Espanha: governo de Sánchez terá extrema-esquerda e partidos pró-independência

Governo de Rajoy é derrubado por moção de censura no Parlamento da Espanha

Veto contra lei da eutanásia em Portugal: nenhum partido quis pagar o ônus político de uma legalização

Itália: eleitores desaprovam rejeição do voto popular em escolha de chefe de governo