rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Linha Direta
rss itunes

Assange provoca guerra diplomática entre Quito e Londres

Por Leticia Constant

Diante da Embaixada do Equador em Londres, continuam concentrados muitos manifestantes que apoiam Julian Assange, refugiado no local desde junho passado.  Ao lado dos solidários com o fundador do site Wikileaks, um grande número de policiais britânicos, que cercam há dias o prédio no bairro de Knightsbridge.

O correspondente em Londres, Ulisses Netto, explica com detalhes o imbroglio e conta que os diplomatas equatorianos não aceitam a ameaça do Reino Unido invadir sua embaixada com base em uma lei local da década de 80, em que poderiam retirar o seu estatuto de instalação diplomática. Se isto acontecer, a polícia pode invadir o local sem ferir, teoricamente, a Convenção de Viena, que determina que representações diplomáticas são invioláveis pelas autoridades locais.

 

Espanha: um dos maiores casos de corrupção da Europa pode afastar Rajoy

Eleitores pró-aborto desafiam católicos dogmáticos em referendo na Irlanda

Zuckerberg explicará para UE se Facebook influenciou votação pró-Brexit

Venezuela: maioria dos países vizinhos não reconhece reeleição de Maduro

66% dos britânicos não se interessam pelo casamento do príncipe Harry, diz pesquisa

Ramadã obriga não muçulmanos a seguirem "manual de etiqueta" nos países islâmicos

Palestinos celebram a Nakba sob violências e forte repressão de Israel

Para lucrar com casamento real, lojas vendem até camisinhas com fotos de Harry e Meghan

Apelo ao FMI pode comprometer futuro político de presidente da Argentina

Anúncio de Trump sobre Irã pode acender barril de pólvora no Oriente Médio

Alemanha: segurança é reforçada para evitar quebra-quebra em protestos no 1° de maio

Merkel faz última tentativa de convencer Trump a evitar guerra comercial