rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês
Linha Direta
rss itunes

Visita de Maduro à Europa fortalece seu mandato

Por Silvano Mendes

O presidente Nicolás Maduro regressou à Venezuela após visitar chefes de Estado da Europa, incluindo o Papa Francisco que o recebeu em audiência privada no Vaticano, na última segunda-feira. Além do Papa Francisco, ele também foi recebido pelo presidente da Itália, Giorgio Napolitano, assinou 14 acordos com Aníbal Cavaco Silva, presidente de Portugal e fechou a visita ao exterior com um encontro com o presidente da François Hollande.

Para os que apoiam o "primeiro presidente chavista", como Nicolás também é conhecido no país, este foi um reconhecimento à legitimidade de sua vitória, que ainda é questionada pela oposição. Mas o candidato derrotado Henrique Capriles Radonski, que acusa Maduro de ser ilegítimo na presidência da Venezuela, continua afirmando que ganhou as eleições presidenciais. Capriles pediu ao Supremo Tribunal de Justiça, a máxima instância jurídica do país, a impugnação das eleições para que, esgotando todas as possibilidades internas, ele possa levar o caso a instâncias internacionais
 

Acusado de inoperância, governo Bolsonaro testará apoio das ruas no domingo

Tsunami político na Áustria freia avanço da extrema direita do país nas eleições europeias

Em meio à tensão entre Irã e EUA, americanos se opõem a mais uma guerra

Festival de Cannes ainda está longe da paridade entre homens e mulheres no cinema

Aumento de tarifas americanas entra em vigor e deve acirrar guerra comercial entre EUA e China

China x EUA: guerra comercial de longo prazo é desafio para investidores

Após 48 horas de violência, entra em vigor cessar-fogo na Faixa de Gaza

Matteo Salvini visita Hungria para discutir "pacto europeu" com o nacionalista Viktor Orbán

Dia do Trabalho de tensão na Venezuela com manifestações pró e contra Maduro

Biden inicia campanha em Pittsburgh para conquistar operários que votaram em Trump

Espanha: Partido Socialista vence legislativas e extrema direita entra no Congresso

Ciclone Kenneth devasta ilha em Moçambique com ventos de mais de 200 km/h

"Direito internacional deve prevalecer à lei do mais forte", diz Putin após reunião com Kim Jong-Un

Morte de jornalista reabre ferida dos anos sangrentos na Irlanda do Norte