rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Seleção brasileira Voleibol Itália Bulgária

Publicado em • Modificado em

Seleção de vôlei feminino estreia no Mundial em busca de ouro inédito

media
A Seleção Brasileira feminina de vôlei estreia no Mundial em Trieste, na Itália, pelo Grupo B. Divulgação/CBV

Começa nesta terça-feira (23), em Trieste, na Itália o Mundial de Vôlei Feminino. O Brasil entra na quadra contra a Bulgária a partir das 20h, horário local, 15h em Brasília. Brasileiras e búlgaras estão no grupo B que ainda tem Canadá, Camarões, Turquia e Sérvia.


 O time que disputa o Mundial é formada pelas levantadoras Dani Lins e Fabíola, as opostos Sheilla e Tandara, as centrais Thaísa, Fabiana, Carol e Adenízia, as ponteiras Jaqueline, Natália, Fernanda Garay e Gabi e as líberos Léia e Camila Brait, segundo informações da Confederação Brasileira de Vôlei.

As brasileiras, que aparecem como favoritas, estão em busca de um título inédito. Por três vezes (1994, 2006 e 2010), a seleção teve que se contentar com a medalha de prata. Mas, neste ano, a seleção, que é a atual bicampeã olímpica, quer mudar essa história. Segundo o regulamento da competição, as seis equipes se enfrentarão e as quatro melhores colocadas do grupo passarão para a segunda fase da competição.

Naúltima vez que as duas equipes se enfrentaram, a Bulgária venceu por 3 sets a 1 na fase de classificação do Grand Prix do ano passado. O técnico do Brasil, José Roberto Guimarães, avalia que as búlgaras têm “muita experiência internacional” e um jogo muito perigoso, especialmente nas bolas altas. Para estrear com vitória, as brasileiras terão que reforçar a parte defensiva.

Jogos da estreia

Hoje, ao todo, serão oito partidas. Confira os duelos:

Grupo A: Alemanha x República Dominicana; Itália x Tunísia
Grupo B: Sérvia x Turquia; Brasil x Bulgária
Grupo C: Rússia x Tailândia; EUA x México
Grupo D: Japão x Azerbaijão; Cuba x Bélgica