rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

México Droga Extradição

Publicado em • Modificado em

México inicia extradição de "El Chapo", barão mexicano da droga

media
O trafiquante mexicano El Chapo REUTERS/Edgard Garrido

O México deu oficialmente início ao processo de extradição para os Estados Unidos do “barão da droga” Joaquin El Chapo Guzman. O anúncio foi feito neste domingo (10) pela Justiça do país.


Representantes da Interpol no México entregaram dentro da prisão de Altiplano, na cidade do México, dois mandados de busca para extradição de "El Chapo", o que constitui o início formal do processo, de acordo com um comunicado da Promotoria mexicana.

O criminoso foi preso na sexta-feira (8) depois de uma fuga considerada “espetacular” em julho, após construir um túnel com um buraco na ducha de sua cela. Ele passou vários meses foragido. Os Estados Unidos querem julgar o chefe do cartel de Sinaloa pelo contrabando de milhares de dólares em solo americano e pelo assassinato de milhares de pessoas no México. A Justiça mexicana espera extraditar "El Chapo" o mais rápido possível.

De acordo com membros da oposição, Joaquin Guzman conseguiu ser capturado “por sorte”. Ele chegou a escapar das tropas de elite destacadas para prendê-lo na sexta-feira, e havia conseguido fugir da casa onde  foi cercado em um túnel ligado ao sistema de esgoto da cidade.

Para fugir da penintenciária de segurança máxima onde estava detido, ele utilizou o mesmo método, e só foi preso várias horas depois tentando escapar da cidade de Los Mochis, de carro. Um grupo de mariners americanos conseguiu acuá-lo. Cinco criminosos morreram e um militar ficou ferido na operação.

Justiça americana quer ouvir Sean Penn

O governo mexicano quer ouvir o ator Sean Penn, depois que o traficante mexicano revelou ter concedido a ele uma entrevista em outubro, na floresta. Sean Penn estava acompanhado da atriz mexicana Kate del Castillo. “Um jornalista pode entrevistar um traficante, mas nesse caso, não se tratam de jornalistas”, disse uma fonte ligada ao governo mexicano.

A revista americana Rolling Stone publicou neste sábado a entrevista do ator Sean Penn, acompanhada de uma foto com data do dia 2 de outubro, onde os dois dão um aperto de mão.

O encontro durou sete horas. Durante a conversa, El Chapo disse que fornecia mais “heroína, cocaína, anfetamina e maconha que qualquer pessoa no mundo.” Ele também afirmou ter uma frota de submarinos, aviões e barcos. Um ex-responsável da agência americana anti-drogas disse ser pouco provável que Sean Penn seja alvo de um processo.