rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

França Japão Tóquio Turistas Atentados de Paris

Publicado em • Modificado em

Prefeita de Paris vai a Tóquio tranquilizar turistas após atentados

media
A prefeita de Paris Anne Hidalgo (direita) com o governador de Tóquio, Yoichi Masuzo e a presidente da Região Ile-de-France, Valérie Pécresse. TOSHIFUMI KITAMURA / AFP

A prefeita de Paris, Anne Hidalgo, chegou a Tóquio nesta segunda-feira (29) para tentar reconquistar os turistas japoneses, que sumiram de Paris desde os atentados contra o jornal Charlie Hebdo e os ataques de 13 de novembro na capital.


Logo na chegada, a prefeita da capital, que ficará três dias em Tóquio, tentou tranquilizar os japoneses.  “Vocês devem voltar para a França, a Paris! A ameaça terrorista está presente hoje praticamente em todas as cidades do mundo, mas tomamos medidas em parceria com o governo para que a segurança esteja assegurada nos transportes e pontos turísticos”, insistiu. "A vida hoje voltou ao normal em Paris. Saímos como sempre, os cafés estão cheios, os teatros. Esta é uma mensagem aos japoneses: voltem para Paris. Paris ama vocês e precisa de vocês!", disse a prefeita à RFI.

Nos dez primeiros meses de 2015, o número de visitantes japoneses caiu 20% em relação ao mesmo período de 2014. A tendência, constata a prefeitura, se acelerou em novembro com os atentados de 13 de novembro, e a queda registrada foi de 30%. Em seu site, o Ministério Japonês das Relações Exteriores pediu à população que fique alerta em locais públicos, como transportes, pontos turísticos, grandes lojas de departamento e mercados.

A ideia é também explicar aos japoneses o significado exato do termo estado de emergência, um termo que para muitos japoneses é sinônimo de toque de recolher e restrições na circulação.

“No fundo há uma incompreensão sobre o estado de emergência que queremos esclarecer”, explicou Valérie Pecresse, presidente da região Île de France, onde está situada Paris. “O estado de emergência serve para nos proteger ainda mais, o que não significa que a vida não voltou ao normal”, declarou. “Os atos de delinquência baixaram muito”, declarou.

França recebe mais de 700 mil japoneses por ano

Em janeiro, a França, que recebe normalmente mais de 700 mil japoneses por ano, lançou uma série de ações para atrair novamente os turistas. Em média, um turista japonês gasta por dia 205 euros e por pessoa, o equivalente a mil euros. Além dos japoneses 37,5% de russos, 17,5% de italianos e 9,6% de holandeses também deixaram de visitar Paris.

Prefeita visita terreno de vila olímpica

A prefeita de Paris também visitou nesta segunda-feira o futuro local onde será construída a vila olímpica dos Jogos de Tóquio em 2020, um projeto “que nos inspira”, explicou. A capital francesa está preparando sua candidatura aos Jogos de 2024.