rfi

Ouvindo
  • RFI Brasil
  • Último jornal
  • RFI em francês

Japão Ataques Morte Faca

Publicado em • Modificado em

Japão: Homem deixa mortos e feridos em ataque com faca ao sul de Tóquio

media
Japão: homem esfaqueia ao menos 17 pessoas em cidade a 20km de Tóquio, incluindo 8 crianças Kyodo/via REUTERS

Em Kawasaki, a 20km ao sul de Tóquio, um ataque com faca custou a vida de uma estudante de 12 anos e de um homem de 40, que morreram em conseqüência de seus ferimentos. Dezessete outras pessoas, incluindo pelo menos estudantes foram feridos e alguns estão em estado grave. O agressor também morreu em consequência dos ferimentos que sofreu. "Um assassinato atroz", lamentou o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe.


Por Frédéric Charles,correspondente da RFI em Tóquio.

O ataque ocorreu em um ponto de ônibus na cidade de Kawasaki, nos arredores de Tóquio, por volta das 7h40, horário local, quando trabalhadores e crianças vão para o trabalho ou para a escola.

Alunos de 6 e 7 anos da Escola Primária da Caritas, fundada pelas Irmãs da Caridade de Quebec, foram esfaqueados por um homem armado com duas facas no ponto de ônibus e depois no ônibus escolar.

Este homem, na casa dos 50 anos, feriu gravemente várias pessoas: uma menina e um homem morreram, segundo o diretor do hospital Musashi Kosugi, e várias outras pessoas sofrem lesões graves no pescoço e na cabeça. O agressor cortou sua própria garganta. Ele morreu como resultado de seus ferimentos.

Tais explosões de violência são bastante raras no Japão. Em 2016, um homem esfaqueou 19 pessoas em um centro de deficiência mental na área de Tóquio. O ataque anterior ocorreu em 2001, quando um ex-zelador escolar da área de Osaka esfaqueou oito crianças até a morte.

O presidente dos EUA, Donald Trump, que está completando uma visita de quatro dias ao Japão, expressou sua solidariedade. "Os americanos estão ao lado do Japão", disse ele.